eventos e notícias

Em Rede para enfrentar os desafios Em destaque
Conheça o que foi feito pela RSB-Escolas e pelos educadores salesianos para enfrentar o período de isolamento, garantindo a qualidade de ensino

Encontros e planejamentos pedagógicos, ampliação da infraestrutura tecnológica, formação de educadores para o uso de tecnologias digitais, cursos online, lives formativas, pesquisas e estudos para a elaboração de aulas online e roteiros, produção de videoaulas e projetos criativos... é difícil resumir em uma matéria de revista essas e tantas outras ações realizadas pelas mais de 100 unidades da Rede Salesiana Brasil de Escolas (RSB-Escolas) durante o período de distanciamento social devido à pandemia. Em cada região as escolas seguiram as determinações governamentais locais para a contenção da COVID-19, mas foi notável em todas as unidades da Rede o empenho dos educadores e corpo diretivo para garantir a qualidade da educação e o atendimento integral aos alunos e suas famílias.

 

“As escolas, com seus gestores, professores, colaboradores, as famílias e os estudantes têm mobilizado seus saberes para lidar com as diversas situações do ‘novo’ cotidiano. Todos são chamados diariamente a se reinventarem em suas formas de gerenciar, ensinar e aprender. Sem dúvida, muitas têm sido as aprendizagens!”, considera Ana Paula Costa e Silva, que compõe junto com a Ir. Adair Sberga a Diretoria Executiva da RSB-Escolas.

 

Segundo ela, as escolas têm uma relação de muito diálogo e proximidade com as famílias e estão atentas às necessidades dos estudantes, o que cria condições favoráveis para que os gestores e educadores façam um bom planejamento e elaborem propostas coerentes com cada realidade. Outro destaque é a dedicação dos educadores salesianos e seu comprometimento em aprimorar conhecimentos e compartilhar saberes. “A abertura do educador salesiano ao aprender possibilita o contínuo desenvolvimento de seu reportório cultural, metodológico e tecnológico, de modo a ampliar os espaços e os tempos de aprendizagem, e potencializar as possibilidades didáticas nas interações com os estudantes”, completa Ana Paula, reforçando o papel da formação continuada para que o educador seja autor, pesquisador, gestor e mediador do processo de aprendizagem.

 

A RSB buscou apoiar os educadores salesianos de diversas formas. O Centro Salesiano de Formação (CSF), além dos cursos oferecidos no ambiente virtual de aprendizagem, realizou Diálogos e Subsídios de Formação sobre temas atuais, como o evento sobre “Tendências e Perspectivas da Educação Católica nos Próximos Anos”, com a Ir. Adair Sberga, gerando reflexões sobre premissas que se impõem para a educação católica e o que se desponta como necessário para se adequar às exigências dos novos contextos de avanços das tecnologias digitais, da inteligência artificial e do mundo do trabalho. Destaca-se também a formação on-line de supervisores e coordenadores de Educação Infantil com a autora Aline Pinto, para tratar das especificidades desse segmento no cenário da pandemia.

 

Com a colaboração das equipes de Comunicação, do CSF e da Assessoria Pedagógica, a RSB-Escolas organizou uma página com informações e subsídios relevantes de formação: escolas.rsb.org.br/subsidios. A página é atualizada diariamente, por meio de um processo sistemático de curadoria digital, com os conteúdos distribuídos nas seções: “Enem 2020”, “Plataforma EdebêEdu”, “Informativos ANEC e CONSED”, “Parcerias RSB-Escolas”, “Subsídios para o planejamento de atividades on-line”, “Indicações de livros para ler com as crianças”, “Leitura para educadores” e “Cursos e subsídios de formação”.

 

Outro subsídio importante são as web-conferências realizadas pela Associação Nacional de Educação Católica (ANEC) e disponibilizadas no canal oficial do YouTube, voltadas a orientações pedagógicas para atividades remotas, utilização de tecnologias digitais e metodologias ativas, entre outras temáticas.

 

Para ler a matéria na íntegra, clique aqui.

 

Fonte: Boletim Salesiano